Com cerca de 7 mil pessoas, 2ª edição do Infoparty encerra em Rondônia

A 2° edição do Infoparty teve início na sexta-feira (17) e encerrou no domingo (19) e segundo a organização, cerca de sete mil pessoas passaram pelo evento. O objetivo era fomentar ciência, tecnologia, empreendedorismo e entretenimento, segundo a Superintendência de Assuntos Estratégicos (Seae) de Rondônia.

De acordo com a Superintendente da Seae Rosana Cristina a expectativa de público foi alcançada. “Quase sete mil pessoas passaram por aqui, e a gente está surpreso até porque teve gente se credenciando na manhã do domingo (18). Estamos muitos satisfeitos, pois além de jovens, tinham crianças e famílias e isso foi muito interessante”, explicou Rosana.

Sobre a próxima edição do Infoparty há a possibilidade do evento ser adiantado.”Estamos estudando a possibilidade de ser em julho, recebemos muitos pedidos para que fosse na época das férias escolares dos participantes. Então há a possibilidade de ser em julho a próxima edição”, informou Rosana.

Na 2° edição do Infoparty houve dois registros de furtos. “Foi lá fora uma questão isolada, mas é uma pena, mas tivemos apoio de policiamento dentro e fora da Polícia Militar e essa situação esta sendo resolvida”, finalizou a superintendente.

Competição League Of Legends

O embaixador de jogos eletrônicos Kami Bohm, de 21 anos, veio de São Paulo para jogar com os vencedores da competição de League Of Legends (LOL) que foi encerrada no domingo (19).

“É importante não só para divulgação do meu trabalho, como do trabalho dos gamers daqui de Rondônia, pois geralmente as competições ocorrem em São Paulo e Rio de Janeiro. Sobre a partida, eu acho que vou perder, pois faz tempo que eu não jogo e também não trouxe meu mouse e meu teclado, mas vai ser legal ver o nível dos meninos que pretendem seguir nessa profissão que é ser gamer”, disse Bohm.

O estudante de 17 anos, Antony Luiz, passa seis horas jogando junto com a sua equipe ‘Neozeen Cyberlan’ ele estava ansioso para jogar com Bohm, a equipe dele foi a vencedora do LOL.

“Nossa expectativa é muita alta, pois passamos praticamente as 48 horas do evento aqui jogando e se classificando, então estamos ansiosos para ver como será o desempenho dele. Não estamos no nível dele, mas esperamos dar trabalho para ele e para equipe com que ele vai jogar. Pretendo aprender tudo o que puder com e quem sabe ser um gamer”, disse o adolescente.

Fonte: G1