Sub-17: Porto Club vence R1 em jogo marcado por confusão

O Porto Club venceu na noite desta quinta-feira o R1 Esporte por 2 a 1 no estádio Aluízio Ferreira, e ficou de fora da decisão do Campeonato Rondoniense Sub-17. A partida foi válida pela última rodada da primeira fase da competição estadual.

Precisando da vitória por três gols para chegar à decisão da competição, o Porto Club foi surpreendido logo aos 8 segundos de jogo. O R1 deu a saída na partida e Alan fez um lançamento para a área adversária. O goleiro Caio foi traído pela pingada da bola e foi superado pelo atacante Daniel, que cabeceou para abrir o placar.

Com o gol, o R1 Esporte passou a explorar os contra-ataques, enquanto que o Porto Club tenta chegar pelas laterais. Aos 20 minutos, a bola foi lançada, a zaga do R1 parou e Thierison superou o goleiro Rodrigo para deixar tudo igual no placar.

Na volta do intervalo, o Porto Club voltou pressionando o adversário. Logo aos 30 segundos, Luccas foi derrubado na área pelo goleiro Rodrigo e o árbitro assinalou a penalidade. Na cobrança, Dilan colocou o Porto em vantagem.

A partir do segundo gol, o Porto Club seguiu pressionando e criando oportunidades, mas pecou nas finalizações a gol. Nos minutos finais, o goleiro Rodrigo, do R1, e o zagueiro Gustavo, do Porto Club, trombaram na área e, em seguida, trocaram pontapés. A partir daí, com os ânimos exautados, a confusão foi generalizada entre os jogadores dos dois clubes e só foi contida após a ação da Polícia Militar.

Após a confusão em campo, o árbitro chamou os capitães para informar os atletas que foram expulsos e deu por encerrada a partida. Do lado do Porto Club foram expulsos: Gustavo, Luccas, Thierison, Cleisson e Pajé, enquanto que do lado do R1 foram expulsos: Rodrigo, Gustavo, Lima e Kelvio.

Com o resultado, o Porto Club chegou aos seis pontos e fechou sua participação na segunda posição do grupo B. Com isso, o Real Ariquemes, líder da chave, avançou à decisão da competição. Já o R1 Esporte ficou com a lanterna com apenas dois pontos.

Autor / Fonte: Futebol do Norte