Jornalista e comerciante são presos na Operação Lei Seca em Porto Velho

Dez pessoas foram presos foram presas na Operação da Lei Seca, em Porto Velho, entre a noite de sábado (12) e este domingo (13). A operação aconteceu em dois pontos da capital. Um jornalista de uma rádio e um comerciante estão entre os detidos pelos agentes.

Uma das prisões aconteceu na Avenida Sete de Sembro, Centro de Porto Velho, onde, conforme boletim de ocorrência, uma jovem teria trocado de lugar no carro com o tio, um jornalista de 48 anos que estava embriagado.

Ainda segundo boletim, o jornalista se negou a realizar o teste do bafômetro e afirmou não ter ingerido bebida alcoólica, mesmo apresentando sinais de embriaguez.

Outro caso aconteceu no início da manhã de domingo, na Avenida Calama, Bairro Embratel, onde um gerente de uma empresa resistiu à prisão.

Conforme boletim de ocorrência, a resistência do motorista resultou em escoriações nos braços e um corte no rosto.

Segundo os policiais, o homem também se negou a realizar o teste do bafômetro, apesar dos sinais de embriaguez. O jornalista e o gerente receberam voz de prisão e foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Porto Velho.

Fonte: G1